Arte…cultura… Mas que outra coisa podemos respirar na cidade do Divino Poeta? Podemos responder sem medo de errar: a ironia florentina! Hoje vamos conhecer a lenda de uma traição e a vingança muito original imortalizada entre as estátuas da Catedral. Trata-se da lenda da cabeça do touro do duomo de Florença.

Florença é uma cidade cheia de mitos, lendas e contos populares que foram transmitidos de geração em geração. Alguns falam de amor, outros são estórias cômicas, outras são trágicas.

Uma dessas lendas diz respeito à catedral de Santa Maria del Fiore nos anos de sua construção.  O objeto da lenda é a cabeça do touro no Duomo de Florença, localizada na parte lateral esquerda da Catedral, entre a Via Ricasoli e Via dei Servi.

Segundo a história, seria uma cabeça de uma vaca posicionada ali para prestar homenagem a todos os animais que foram usados ​​na construção da Catedral ao longo dos séculos. A vaca então simboliza todos os animais que trabalharam duro junto com os homens suportando cargas pesadas nas costas.

Mas há outra estória sobre a presença do gado entre as decorações da catedral que com o passar do tempo se tornou quase que uma verdade popular. Diz-se que a escultura foi colocada ali por um mestre mestre de obras que trabalhava na construção da catedral.

Reza a lenda que o mestre de obra  era amante da esposa de um padeiro – uma outra versâo diz que era um costureiro – o qual tinha uma padaria ao lado da igreja. Uma vez que o padeiro descobriu o relacionamento secreto, denunciou o mestre de obras e sua esposa ao tribunal eclesiático. Obviamente os amantes tiveram que interromper o relacionamento.

Para se vingar da denúncia, o mestre de obras colocou a cabeça do touro, simbolizando os chifres, bem na direção da casa do padeiro. Assim, todas as vezes que o homem se aproximava da sua janela,  ele via o símbolo da traição e recordava a sua situação de marido traido,

Achou este artigo interessante?
Compartilhe em sua rede de contatos do Twitter, no seu mural do Facebook. Compartilhar o conteúdo que você considera relevante ajuda esse blog a crescer. Grazie!


Cristiane de Oliveira

Brasileira do Rio de Janeiro, vive em Florença ha 12 anos. Apaixonada por arte, historia e bons vinhos. Guia de turismo e sommelier na Toscana.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *